Economizar é a palavra de ordem

ou melhor dizendo: tentar não gastar o que não temos! Julgo que é mais isto...
Aqui em Macau fazer compras é um exercício completamente diferente se compararmos com o que estava habituada em Lisboa.
1) Os supermercados são caros (caríssimos!!!) porque o que gostamos e estamos habituados é importado
2) Na maior parte dos supermercados não se compra congelados porque, espantem-se, desligam as arcas à noite para não gastar electricidade (julgo eu)
3) Também não se compra fruta, porque não é fresca e é bastante inflaccionada...

Apresento-vos então a minha rotina (quase) diária, porque o nosso frigorífico é minimo e a nossa despensa T0:
 - compro produtos de limpeza, enlatados, farinhas, açucar, leite e iogurtes no super
 - compro legumes e fruta numa lojinha ou no mercado
 - compro carne e peixe numa loja especifica de congelados!
 - nas maravilhosas lojas japonesas ( lojas dos 300 cá do sítio) compro tudo o resto que é para casa.

É de doidos não é? Imaginem quando me esqueço de qualquer coisa...
Mais ainda de doidos é perceber que as coisas não têm os mesmos preços nos diferentes sítios... os iogurtes que gosto são mais baratos no UK Market, o leite na mercearia portuguesa, os boiões da Isabel no Park&Shop, mas no geral compensa ir ao Seng Chong (não faço ideia se estará bem escrito). Está bem que isto não é grande, mas tenham dó...

E é isto, habituei-me ao facto de ter de fazer compras várias vezes por semana e isso geralmente não é sinónimo de poupança...
Vai daí tive a brilhante ideia de fazer ementas semanais. Ainda não cumpri à risca, mas a coisa vai lá!!
Hoje decidi perder tempo e com a ajuda do site do jumbo fiz uma minuta de lista de supermercado, para que consiga levar sempre de casa tudo aquilo que realmente faz falta! A disciplina nestes casos é o segredo do negócio ;)

E sobretudo, haja tempo e paciência para tanta organização :)

Ah, se quiserem partilhar receitas estejam à vontade, a caixa de comentários é toda vossa (Tia Zé bem que me podia dar uma ajudinha ;) )

Comentários

Anónimo disse…
Por muito exercício que precise de fazer, certamente nunca será a ginástica acrobática que é necessário fazer na Europa.

Boa sorte e felicidades.

PS: E deixe-se estar pelo território dos superávites enquanto puder.

Mensagens populares