Sobre o fim-de-semana

Quando era miúda adorava ver corridas de carros com o meu Pai. Aliás, lembro-me que toda a família se juntava para ver o grande Ayrton Senna. Os domingos eram sempre uma grande animação. Os meus pais faziam grandes almoçaradas e, a seguir à missa, passávamos horas à mesa na conversa. Mesmo em miúda eu já gostava de conversar eheh Tenho ideia destes almoços só serem interrompidos com as corridas o que era uma verdadeira emoção!
Entretanto o Senna morreu e a mística das corridas desapareceu por completo! Os homens lá de casa continuaram a assistir (pouco) e uns anos mais tarde até entrou para a nossa família um ligado a esse ramo, mas a verdade é que eu nunca mais liguei patavina à coisa!

E este fim-de-semana as memórias voltaram todas! Em pleno Grande Prémio de Macau lembrei-me das tardes passadas com o meu Pai, de como eu gostava de me sentar ao pé dele e de como o meu Pai vibrava com a F1... De repente, ao som daqueles motores todos, apareceram-me tantas imagens que por instantes não consegui conter a emoção! É bom saber que pelo menos as memórias não desaparecem!!!

Foi este o meu fim-de-semana emocionante! Dois dias de corridas, a vibrar por Portugal e a rezar para que mais nenhum piloto se magoasse (sim, apesar de gostar de assistir não consigo deixar de ficar impressionada com a velocidade e com as "espetas" que eles dão...)! No meu primeiro GP de F3, cá em Macau, ter ganho um Português é qualquer coisa de espectacular e eu iria amar poder partilhá-lo com o meu Pai ;)

Comentários

Mensagens populares